top-cor-do-ano
Dando adeus ao Greenery, o verde refinado de 2017, o Instituto Pantone elege para Cor do Ano de 2018 o envolvente e introspectivo Ultra Violet, com a mistura de tons azuis e amagentados.
“Complexa e contemplativa, a cor Ultra Violet sugere os mistérios do cosmos, a intriga do que está por vir e as descobertas além de onde estamos agora. O vasto e ilimitado céu noturno é simbólico do que é possível e continua a inspirar o desejo de perseguir um mundo além do nosso.”, diz o texto de Lee Eiseman.
Para a Pantone, o uso de iluminação de tons roxos em espaços para meditação e outros lugares de encontro dinamiza as comunidades que se reúnem e inspiram conexão, inspiração”. A cor é associada à prática do Mindfulness (estado mental de controle sobre a capacidade de se concentrar nas experiências, atividades e sensações do presente), ou seja, a busca de refúgio no mundo superestimado de hoje.
Além de ser uma cor elegante e associada à nobreza, versátil para os universos masculino e feminino, a cor é como um curinga, podendo combinar com várias outras paletas, contribuindo ainda mais para composições diversas na moda, arquitetura e decoração.
Em decoração, o Ultra Violet pode transformar um ambiente numa forma de auto-expressão, o seu brilho pode abafar a cor num ambiente com pinturas modernas em estilos alternativos.
Adicionando tons bem temperados e brilhantes, Ultra Violet atrai a atenção para si, seja na cor de um sofá decorado, numa peça de arte ou no detalhe de uma parede colorida. O Ultra Violet tem autoafirmação, seja em qualquer situação, pela elegância e tradição, ou pela ousadia expressa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *